Sexta-feira, 24 de Julho de 2009

Uma primeira análise ao súbito crescimento das mulheres determinado pelo abuso das plataformas

De repente, as mulheres portuguesas ficaram mais altas e com um andar diferente. Temos de olhar para o chão, ou melhor para os pés delas, para encontrarmos a explicação deste crescimento súbito.

A moda, de mão dada com a urgente necessidade da indústria de calçado de vender mais sapatos, é a responsável por este fenómeno que está em cartaz pelo menos desde a Primavera.

O uso de plataformas para camuflar eventuais e irresolúveis problemas de crescimento, não é novo (nos anos 70, o calçado de plataforma esteve in ao mesmo tempo que as calças à boca de sino) nem é exclusivo das mulheres: o marido da Carla Bruni e o incorrigível Berlusconi abusam deste recurso.

Não tenho opinião formada e definitiva sobre esta moda. Patrioticamente sinto-me tentado a aplaudir, porque o uso predominante de cortiça como matéria prima da plataformas só pode ser bom para a única indústria em que somos destacadamente lideres mundiais.

Mas ainda não conseguir perceber se acho sexy o andar imposto pelas plataformas, que - por razões de equilíbrio que carecem de um estudo mais aprofundado e com contornos científicos que não fazem parte da minha bagagem -, é claramente diferente do induzido pelo bom e velho salto alto tipo agulha.

Estamos, por isso, na presença de um assunto para aprofundadas e posteriores discussões.

 

música: Hey Jude, Beatles
publicado por Jorge Fiel às 18:08
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De Tripeiro a 25 de Julho de 2009 às 10:46
Obrigado por ter voltado .
Todos os dias ia ver e ........ nada
Um abraço deste seu leitor.
De A.Dias a 25 de Julho de 2009 às 15:47
È isso aí Tripeiro, agora o nosso preclaro anda fugido, se quisermos ler algo de sua lavra temos de ir ao DN (Uma bela crónica de Jorge Fiel, com interessantes analogias futebolísticas, e que foi publicada no Diário de Notícias de 23/07/2009:- in Reflexão Portista)
Um abraço
De Tibetana a 25 de Julho de 2009 às 16:41
ora JF, embora descansem dos saltos agulha, caso não saibam andar, podem torcer os tornozelos.. andar aos saltos é uma arte.
De Ulisses Adirt a 25 de Julho de 2009 às 17:08
http://chargedodiemer.blogspot.com/2009/07/modelo-perfeita.html

Fica como um extra.
De Tibetana a 30 de Julho de 2009 às 16:13
Caro JF, ainda hoje certifiquei-me de que tens um leitor na SIC. Em reportagem sobre as velhinhas idosas o video, desinteressadamente analisava o sapatinho de cortiça da repórter!

Comentar post

Eu ao espelho


Nasci em Maio de 1956 na Maternidade Júlio Dinis. Fiz a primária no Campo 24 de Agosto e o essencial do liceu (concluído entre o Nobre e Gaia) no Alexandre Herculano. Entre os 15 e os 21 anos fui militante da LCI. Li quase tudo que o Marx, o Lenine, o Trotsky e a Rosa Luxemburgo escreveram.
Ler mais

Pesquisar este blog

Entradas recentes

Lavandaria está agora a c...

Moscas anunciam chegada d...

Apaixonei-me pela Bona, a...

Uma folha A4 dobrada em 4...

O café do Europeijska não...

mais comentados

últ. comentários

Há uma boa forma de distinguir um do outro; é ir à...
Tive conhecimento deste vinho," monte ermes", tint...
Num passeio à Ribeira lembrei-me de recordar algum...
prática do sexo anal estaria aumentando?Embora no ...
O autor deste artigo de peixe não sabe nada, por i...

Arquivos

Abril 2012

Março 2012

Outubro 2011

Agosto 2011

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Maio 2006

Tags

todas as tags

blogs SAPO

Subscrever feeds