Sexta-feira, 13 de Fevereiro de 2009

O Ponto G não é uma realidade, é um pensamento

Fotografada no início da aventura Mamas de Sonho (Gina nº 187), Ghitte está com cara de quem acredita mais na existência do Pai Natal do que na do Ponto G

 

“O Ponto G é mais um mito urbano criado para fazer companhia a outros mitos actuais como as depressões e os tradicionais mitos infantis.

Cá para mim, se querem mesmo saber, o Ponto G é a Fada dos Dentes da malta crescida. A única diferença é que, enquanto a Fada do Dente tem uma surpresa agradável para quem acorda, pois, durante a noite, alguém amigo vos põe uma moedinha debaixo da almofada, já no Ponto G o mesmo não acontece, pois é geralmente durante a noite que o Gêzinho ensombra a cabeça e a cama de quem faz por não dormir.

O tal de G não passa de um mito sexual, usado para complicar as nossas existência e nos sentirmos gorados nos nossos objectivos sexuais”

Sete anos de mau sexo”, Ana Anes, página 87

 

Há gente que se desembrulha muito bem quando age sob pressão, mas, para a maior parte das pessoas, o excesso de pressão prejudica muito a sua performance.

Por isso mesmo, este artigo, em boa hora publicado na Maxmen, pode ter o benéfico e terapêutico efeito de funcionar como uma válvula de escape para tensões desnecessariamente acumuladas pelos dois géneros envolvidos numa saudável confraternização.

A rapariga que concluiu o truca truca sem ter visto a Noite Estrelada do Van Gogh e contabilizado pelo menos meia dúzia de orgasmos múltiplos fica muito mais descomplexada depois de ter lido a autora afirmar que o Ponto G é um mito urbano.

O rapaz que concluiu o truca truca sem ter visto a sua parceira revirar os olhos, como se estivesse possuída por Satanás, e agitar o corpo, como se estivesse a ter um ataque epiléptico, fica muito mais descomplexado depois de ter lido a autora afirmar que o Ponto G não passa de um mito sexual.

Leonard Cohen escreveu que ser infeliz não é uma realidade, mas sim o pensamento.

Eu sinto-me tentado a elaborar teoria, traçando uma bissectriz entre as reflexões da Ana e do Leonard, concluindo que o Ponto G não é uma realidade, mas sim um pensamento.

música: In my secret life, Leonard Cohen
Tags: ,
publicado por Jorge Fiel às 18:08
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De eppursimuove a 13 de Fevereiro de 2009 às 20:00
Não tem nada a ver com o post, mas o amigo tem que aderir ao Twitter. 140 caracteres em directo para o mundo são uma excelente serventia às suas tiradas cómicas, certamente.

Veja lá isso e depois informe para o podermos seguir.

www.twitter.com
De Jorge Fiel a 15 de Fevereiro de 2009 às 10:06
Preclaro eppursimuove

Eu já tentei dar os meus primeiros passos no Twitter e a limitação dos 140 caracteres não me mete medo.

O problema é que manter a Lavandaria num ritmo diário 7/7 dá algum trabalho.

Como agravante, meti-me agora a tentar ressuscitar o Bússola com um ritmo diário (folgo ao sábado e na segunda não posto para as pessoas terem tempo para ler e digerir os 3000 caracteres da crónica de domingo publicada no Diário de Noticias).

Acresce que não ganho um tostão com estes blogues, e que preciso de pedalar (esrevendo coisas remuneradas) para arranjar dinheiro para pagar a conta da Luz e do Continente.

Por tudo isto, o tempo tem escasseado para um presença digna no Twitter.

A bem da Nação!
De Isa_ a 14 de Fevereiro de 2009 às 04:56
Boas!

desculpa discordar, mas o ponto G existe, n é fisico, tb n é um pensamento, o ponto G é...

UM SUTRA!!

exactamente, é um sutra p meditar, pois o G, se vires bem, é o unico signo do alfabeto q desenha um caracol em maiusculo e um espermatozoide em minusculo... ora, tirando as devidas deduçoes, o q se conclui é isto: o esperma de alguem q tem o cabelo aos caracois... LOL!

daí q seja tao excitante!!!
De Jorge Fiel a 15 de Fevereiro de 2009 às 10:08
Preclara Isa

Muito bem observado. Fiquei para a minha vida.

Está mesmo muito bem visto. Um sutra - quem diria?!?!?!

A bem da Nação!
De Nuno Maia a 14 de Fevereiro de 2009 às 16:55
Isto virou site de porno dos anos 70?

Eu ía jurar que os blogs do SAPO não permitiam conteúdos (imagens) de natureza pornográfica.
De Jorge Fiel a 15 de Fevereiro de 2009 às 10:09
Preclaro Nuno Maia

Estou a ver que também ficou encantado com a estética anos 70 dos protagonistas das histórias da Gina.

A bem da Nação!

Comentar post

Eu ao espelho


Nasci em Maio de 1956 na Maternidade Júlio Dinis. Fiz a primária no Campo 24 de Agosto e o essencial do liceu (concluído entre o Nobre e Gaia) no Alexandre Herculano. Entre os 15 e os 21 anos fui militante da LCI. Li quase tudo que o Marx, o Lenine, o Trotsky e a Rosa Luxemburgo escreveram.
Ler mais

Pesquisar este blog

Entradas recentes

Lavandaria está agora a c...

Moscas anunciam chegada d...

Apaixonei-me pela Bona, a...

Uma folha A4 dobrada em 4...

O café do Europeijska não...

mais comentados

últ. comentários

Há uma boa forma de distinguir um do outro; é ir à...
Tive conhecimento deste vinho," monte ermes", tint...
Num passeio à Ribeira lembrei-me de recordar algum...
prática do sexo anal estaria aumentando?Embora no ...
O autor deste artigo de peixe não sabe nada, por i...

Arquivos

Abril 2012

Março 2012

Outubro 2011

Agosto 2011

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Maio 2006

Tags

todas as tags

blogs SAPO

Subscrever feeds