Quarta-feira, 23 de Dezembro de 2009

O salvador do Sá Carneiro

Eu já tinha uma excelente impressão do Michael Leary (na foto)  desde que ele deu, em 2004, uma conferência de imprensa vestido com uma camisola do FC Porto que tinha acabado de se sagrar campeão europeu e de exportar para o Chelsea o Mourinho e alguns jogadores, num valor global superior a 50 milhões de euros.

Agora a impressão virou admiração. É a este irlandês que o Porto deve o facto de todos os dias, por volta das cinco e meia da manhã, ser hora de ponta nas lojas, cafés e quiosques do aeroporto Sá Carneiro – e haver filas para os aparelhos de Raio X e para o controlo dos  BI  (no caso do voo para Londres, já que a Inglaterra não é Schengen).

A TAP, com a cumplicidade da ANA, tentou estrangular o Sá Carneiro, ao concentrar em Lisboa rotas directas do Porto para o estrangeiro. O primeiro balão de oxigénio que permitiu o nosso aeroporto respirar, foi administrado pela Lufhansa que logo identificou na deserção da TAP uma oportunidade e aumentou a frequência das ligações diárias Porto-Frankfurt.

Assim como assim, qualquer nortenho que se preze, prefere usar Frankfurt como hub, em vez de Lisboa, e voar na Lufthansa, em vez da TAP.

Mas foram as low cost (a Easyjet também, mas essencialmente a Ryanair) que permitiram que o nosso aeroporto pusesse a cabeça fora de água e as suas belas e modernas instalações não parecessem um edifício fantasma, tão despovoado de gentes como o deserto do Sara.

Ao instalar uma base no Porto, onde dormem diariamente três aviões, a Ryanair oferece a todos os galegos do Norte (os galegos propriamente ditos) ou do Sul (os nortenhos, como eu) ligações aéreas a baixo preço, por voltas das 6h30 da manhã, para Madrid, Paris e Londres. E permite suplementarmente aproveitar a maior parte do dia de regresso nessas capitais, voando de noite para o Porto.

Porto, Sá Carneiro- Londres,Stansted (4 Dezembro 2009)

música: Crazy, Seal
publicado por Jorge Fiel às 18:08
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De Renato Oliveira a 23 de Dezembro de 2009 às 18:23
Ilustre Jorge!

Esta companhia veio trazer uma lufada de ar fresco ao aeroporto Sá Carneiro!

Já tive o prazer de voar para Frankfurt Hann e Londres Stansted , com a Rayanair , fiquei muito bem impressionado pelo binómio viagem/custo!

É um centro de excelência!

A Bem da Região,

Renato Oliveira
De Jorge Fiel a 27 de Dezembro de 2009 às 19:55
Preclaro Renato Oliveira

Tem toda a razão quando qualifica a base da Ryanair no Sá Carneiro como um centro de excelência.

Mas temos de estar a atentos, porque a ANA anda a tentar a Ryanair, oferecendo-lhe o Terminal 2 da Portela para montar uma base em Lisboa.

A bem da Nação!
De Jorge Aragão a 23 de Dezembro de 2009 às 21:19
Amigo Jorge Fiel ...
Não sei se pelo nome vais lá mas fomos colegas faz uns bons anos e quando nos cruzamos - raramente - conversamos...
Também eu sou um fan da ryanair, já fiz alguns voos com eles
E realmente acho que teremos cá no Norte de tomar uma posição firme recusando o máximo ir à capital apanhar voos.
Pelas Low Cost, Luftansa ou até de Vigo, há que tomar medidas.
Um abraço e bom Natal.
De Jorge Fiel a 27 de Dezembro de 2009 às 19:57
Preclaro Aragão

Então não me haveria eu de me lembrar de ti! Estou gagá, mas não a esse ponto.

Eu só apanho aviões em Lisboa quando não há mesmo nenhuma outra alternativa.

Um abraço

A bem da Nação!

De neli a 24 de Dezembro de 2009 às 10:43
Olá, Jorge!

Vim desejar um Natal abençoado para você, seus familiares e seus leitores!

Que 2010 seja um ano bom para todos nós!

Uma beijoca,

neli
De Jorge Fiel a 27 de Dezembro de 2009 às 19:58
Preclara Neli

Igualmente para si, minha preclara e querida Neli!

Outra beijoca

A bem da Nação!
De Sun Iou Miou a 4 de Janeiro de 2010 às 19:01
É verdade, que já fiz umas quantas viagens a carregar amigos para aí e de regresso. E eu sempre em terra a vê-los partir, chorando não de saudades deles, mas de nua e crua inveja. Fogo!

Comentar post

Eu ao espelho


Nasci em Maio de 1956 na Maternidade Júlio Dinis. Fiz a primária no Campo 24 de Agosto e o essencial do liceu (concluído entre o Nobre e Gaia) no Alexandre Herculano. Entre os 15 e os 21 anos fui militante da LCI. Li quase tudo que o Marx, o Lenine, o Trotsky e a Rosa Luxemburgo escreveram.
Ler mais

Pesquisar este blog

Entradas recentes

Lavandaria está agora a c...

Moscas anunciam chegada d...

Apaixonei-me pela Bona, a...

Uma folha A4 dobrada em 4...

O café do Europeijska não...

mais comentados

últ. comentários

Há uma boa forma de distinguir um do outro; é ir à...
Tive conhecimento deste vinho," monte ermes", tint...
Num passeio à Ribeira lembrei-me de recordar algum...
prática do sexo anal estaria aumentando?Embora no ...
O autor deste artigo de peixe não sabe nada, por i...

Arquivos

Abril 2012

Março 2012

Outubro 2011

Agosto 2011

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Maio 2006

Tags

todas as tags

blogs SAPO

Subscrever feeds