Quarta-feira, 4 de Novembro de 2009

Operação Pneu Estraçalhado continua em aberto

Aspecto parcial do meu novo pneu usado dianteiro do lado direito e da respectiva jante, após ter sido vigorosamente desempanada

Como presumo que devem estar lembrados, saí dos Pneus Ramalhão todo satisfeito por ter (aparentemente) resolvido o problema do miserável homicídio do meu pneu dianteiro do lado direito, através da aquisição de dois pneus usados, por 44 euros, soma em que se incluía o pagamento pela desempanagem da jante.

Muito infelizmente, na descida da rua Campo Alegre em direcção a Lordelo, sempre que eu largava as mãos do volante, a minha carrinha Fiat Marea descaia perigosamente para a direita, o que me deixou seriamente preocupado, tanto mais que nas últimas legislativas, naquele momento solitário em que estamos escondidos numa cabina, com uma Muji de cor roxa na mão e o boletim de voto ainda virgem à frente, a única dúvida que me atravessou o espírito foi a de decidir se punha a cruz no quadradinho do PS ou no do Bloco de Esquerda.

Já era fim de tarde e como estava bastante trânsito, achei por bem não retornar à Pneus Ramalhão (que, segundo creio, fecha às 18h30) e encaminhei-me para casa, desanimado. Afinal não ia poder riscar o item pneu da lista de Tarefas do meu Outlook.

A operação Pneu Estraçalhado continuava em aberto, tal como a operações Furacão, Portucale, Submarinos, Face Oculta, Freeport, etc. Não sei porquê, mas só me vinha à memória a imagem de Cavaco, a dizer: “Safa, safa!” .

(continua)

música: Tuning my guitar, Melanie
Tags:
publicado por Jorge Fiel às 18:08
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De Nívea Samovar a 5 de Novembro de 2009 às 10:54
Viva :-)

A imagem não é falsa? Não me parece nada o pneu dianteiro do lado "direito", mas antes o do lado esquerdo.

É a estas coisas que uma pessoa se apega quando se debruça na leitura desta saga :-)
De Jorge Fiel a 8 de Novembro de 2009 às 08:57
Peclara Nivea

Se calhar tens razão. Quando ia fazer a foto abordei o carro de frente e posso ter caido na infantlidade de fotografar o pneu que aparecia à direita, mas que está à esquerda quando se vai no lugar do condutor. Tenho de tirar isso a limpo.

Um beijo

A bem da Nação!
De Anónimo a 5 de Novembro de 2009 às 11:38
Meu caro Amigo: como sabe, não há ninguém em Portugal com uma idade aceitável que saiba o que é um Fiat Marea. Perante o facto evidente de ser possuidor de um carro antigo e de um carro velho, está claramente na hora de se deixar de paliativos (mudar pneus, mandar alinhar direcções e recarregar baterias, entre outras infelicidades) e trocar o velho por um novo ou ao menos por qualquer coisa usada que um tipo de 20 anos identifique. A.F.S.
De Jorge Fiel a 8 de Novembro de 2009 às 09:00
Preclaro AFS

Se a minha conta bancária tivesse cobertura suficiente para cobrir essa operação, comprava já uma Chrysler Voyager, já que a familia não cabe dentro do novo Fiat 500.

Um abarço

A bem da Nação!

PS. Então esse café? O engenheiro tem os bolsos fundos e bem conversado acha que nos pagaria um café a cada um...
De Sun Iou Miou a 5 de Novembro de 2009 às 18:29
Confesso que eu, sem ter idade que se possa chamar aceitável, também não sei o que é um Fiat Marea, fora de que nunca compraria um carro com esse nome, nem o aceitaria de borla, porque "marea" em espanhol é "enjoa" e eu já enjoo de carro (se não conduzir eu, ainda bem!) como para aceitar um com esse nome.

Dito o dito pode-se dizer que o JF tem muita léria, pois só para dizer que o carro tinha algum problema na direcção, coisa que se resolvia numa frase, utilizou 27 linhas (incluídas as do pé de foto, que suscitaram a desconfiança duma preclara leitora -porquê é que naõ percebo: a mim sim me parece a direita, mas nisso não sou de fiar).

O pior é que vou ter pena quando isto terminar.
De Jorge Fiel a 8 de Novembro de 2009 às 09:05
Preclara Miou Miou

Esta saga é um daqueles exercicios a que gosto de me entregar de vez em quando.

Aqui há uns meses, escolhi um tema - a casa de banho - e tentei ver quantos posts conseguiria dedicar a esse assunto (foram bastantes, como pode verificar pela lista das tags).

Agora estou a tentar esticar a história do pneu (que em tempo real ainda está longe do seu desfecho) .

A bem da Nação!

PS. Apesar de ser o carro escolhido por um número não negligenciável de taxistas romanos, a Fiat Marea não é grande espingarda - gasta muita gasolina e é feia. Mas era a carrinha mais barata que havia no mercado na altura em que eu tinha de comprar uma.

Comentar post

Eu ao espelho


Nasci em Maio de 1956 na Maternidade Júlio Dinis. Fiz a primária no Campo 24 de Agosto e o essencial do liceu (concluído entre o Nobre e Gaia) no Alexandre Herculano. Entre os 15 e os 21 anos fui militante da LCI. Li quase tudo que o Marx, o Lenine, o Trotsky e a Rosa Luxemburgo escreveram.
Ler mais

Pesquisar este blog

Entradas recentes

Lavandaria está agora a c...

Moscas anunciam chegada d...

Apaixonei-me pela Bona, a...

Uma folha A4 dobrada em 4...

O café do Europeijska não...

mais comentados

últ. comentários

Há uma boa forma de distinguir um do outro; é ir à...
Tive conhecimento deste vinho," monte ermes", tint...
Num passeio à Ribeira lembrei-me de recordar algum...
prática do sexo anal estaria aumentando?Embora no ...
O autor deste artigo de peixe não sabe nada, por i...

Arquivos

Abril 2012

Março 2012

Outubro 2011

Agosto 2011

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Maio 2006

Ligações

Tags

todas as tags

blogs SAPO

Subscrever feeds